segunda-feira, 4 de julho de 2011

Guru Purnima 2011

Importante data de homenagem ao guru,
que ocorre sempre na lua cheia do mês de julho.



Sobre o Guru Purnima
      A adoração devocional ao Guru – o preceptor espiritual – é um dos mais sublimes e tocantes aspectos da tradição cultural hindu. O momento auspicioso do Vyasa Purnima, também conhecido como Guru Purnima, escolhido para observar essa festividade anual, não é menos significativo.



Foi o grande sábio Vyasa, filho de uma pescadora, que compilou o conhecimento espiritual acumulado dos Vedas sob 4 títulos – Rig, Yajur, Sama e Atharva.



Foi ele que escreveu os Brahma Sutras. Foi ele que nos deu a versão organizada dos Upanishads. Ele também escreveu os dezoito Puranas, as histórias de nossos grandes heróis e santos, para transmitir os preceitos morais e espirituais para as pessoas comuns.



     O Mahabharata, maior épico de todos os tempos– que abarca em si a imortal canção do Senhor, o Bhagavad Gita, também é uma dádiva inestimável de Vyasa. O Bhagavata, a emocionante e devocional narrativa de Sri Krishna, também foi sua contribuição. É assim correto pensar que Vyasa deva ser reverenciado como o supremo preceptor da humanidade. O oferecimento da adoração a ele equivale a adoração a todos os preceptores espirituais de todos os tempos.


     O Guru na tradição hindú é reverenciado como a personificação do próprio Deus. Porque, é através de sua graça e de sua orientação que se alcança o mais elevado estado da sabedoria e da bem-aventurança. “Minhas saudações ao Guru que é Brahma, Vishnu e Maheswara. O Guru é Parabrahman encarnado”.

Gururbrahmaa gururvishnuh gururdevo Maheswarah |
Guruh-saakshaat parabrahma tasmai shrigurave namah ||
 
     São inúmeros os grandes sábios e santos que têm servido como preceptores espirituais e religiosos para incontáveis indivíduos no decorrer dos séculos. Mas existe alguém que pode ser reverenciado como o preceptor para todo o povo hindu – por todas as suas gerações passadas, presentes e futuras? Obviamente, nenhum indivíduo pode fazer esse papel. Um ser humano é, no final das contas, mortal e, não importa quão grande seja, tem suas próprias limitações.

     Esses santos e sábios são grandes almas; são almas já liberadas. Mas, ainda que estejam liberadas, elas se recusam a aceitar sua liberação enquanto o mundo inteiro estiver sofrendo. Elas vêm continuamente, tomam um corpo humano e ajudam a humanidade. Desde a infância já demonstram quem são e para o que vieram... Eles não se submetem ao cativeiro a que nós nos submetemos... Eles vêm por seu próprio livre arbítrio, e não podem evitar manifestar um tremendo poder espiritual ao qual não podemos resistir. A vasta massa da humanidade é puxada para dentro desse turbilhão de espiritualidade, e sua vibração prossegue por ter sido impulsionada por estas grandes almas. E continuará até que toda a humanidade seja liberada e até que a lila (o jogo divino) chegue ao seu fim.


      Glória a essas grandes almas cujas vidas estudamos! Esses são os deuses vivos do mundo. Eles são aqueles a quem devemos adorar. Se Deus vem a mim, eu apenas posso reconhecê-Lo se Ele tomar uma forma humana. Ele está em todos os lugares, mas podemos vê-Lo? Nós só podemos vê-Lo se Ele tomar a limitação de uma forma humana... Se os homens e os animais são manifestações de Deus, esses mestres da humanidade são líderes, são Gurus. Portanto, saudações àquele, cujas pegadas são adoradas pelos anjos! Saudações a esses líderes da raça humana! Saudações a todos os grandes mestres! Que esses líderes espirituais recebam eternamente nossas saudações!



      Para transmitir o impulso espiritual para qualquer alma, em primeiro lugar, a alma da qual ele procede deve possuir o poder de transmiti-la para uma outra alma, e em segundo lugar, a alma para a qual ela é transmitida deve estar preparada para recebê-la. A semente deve ser uma semente viva, e o campo deve já estar arado; e quando ambas essa condições estão preenchidas, o maravilhoso crescimento da genuína religião acontece. “O verdadeiro pregador da religião tem que ter qualidades maravilhosas e aquele que ouve deve ser inteligente”. E quando ambos tem essas qualidades extraordinárias, então o resultado será um verdadeiro despertar espiritual. Somente esses são os verdadeiros mestres, e somente estes são os verdadeiros discípulos, os verdadeiros aspirantes.



       Assim, Brahman, a Eterna Existência, prova ser a única realidade. Enquanto durar o estado da ignorância, costumamos pensar: ela é minha esposa, ele é meu filho, isto é meu, aquilo não é meu e assim por diante, e dessa forma, deixamos de realizar a existência do Atman, aquele que ilumina todas as coisas. Quando, através das instruções do Guru e através da sua própria convicção percebermos - não este mundo de nome e forma - mas a essência da própria existência, somente então realizaremos nossa identidade com todo o universo, desde o Criador até uma folha de grama, e somente então alcançaremos o estado no qual “os nós que atam nossos coração são cortados e todas as nossas dúvidas desaparecem”.

quarta-feira, 29 de junho de 2011

ORAÇÃO DE KRISHNA



Ó Vós, infinita e sagrada Presença Divina, Altíssima Fonte de toda a Vida!
Abençoado seja Vosso sagrado nome!
Nós nos prosternamos aos Vossos pés;
Nós Vos rendemos ação de graças;
Nós Vos glorificamos por Vossa majestosa Presença no Universo!
Porque Vós Sois EU SOU o EU SOU.
Nós Vos devolvemos, ó Poderoso, toda força e poder que foram usados por nós na
imperfeita manifestação visível ou invisível.
Vós Sois o Todo-Poderoso do Universo! Não existe outro poder em atividade.
Seja feita a Vossa vontade, em nós, agora.
Que Vosso Reino se manifeste constantemente à face da Terra, através de todo o
tempo, nos corações de todos os que são abençoados, que estão em condições de receber esta
graça!
Ó Vós, Altíssimo Bem-Amado!
Elevamos nossos corações, nossa visão, nossa consciência a Vós.
Fazei fluir a substância de Vosso Próprio Ser em cada um de nós, de acordo com as
nossas necessidades, para seguirmos em Vosso Nome e não haver deficiência em Vosso
Serviço.
Pedimos perdão pelas nossas transgressões à Vossa Lei do Amor e Harmonia, para
nós e para todas as pessoas, bem como para as forças dos reinos Elementais e da Natureza.
Dai-nos, agora, Vossa Misericórdia.
Com Vossa força e Vosso desejo, queremos perdoar, de nossa parte, as faltas de todos
os que nos magoaram, desde o início dos tempos!
Não tememos mal algum, porque estais em volta de nós e dentro de nós.
Não existe poder além do Vosso, nada que possa ferir, destruir ou roubar a beleza da
Vida.
Vós Sois a força, o poder no qual trilhamos o caminho da prestação de contas.
Ó Pai da Luz, glorificai-nos em Vosso Próprio Ser e mostrai-nos toda a Glória da qual
no começo participamos Convosco, antes que o mundo fosse feito.
Assim seja.

Tulasi - O Manjericão Sagrado

A Túlasi é uma variedade de manjericão medicinal reverenciado como uma das plantas mais sagradas da cultura indiana. A tradição antiga proclama que a Mãe Divina se manifestou na Terra como a Túlasi Sagrada para o benefício de toda criação.Seus benefícios medicinais seriam:

Proteção e redução do estresse

Melhora resistência e a perseverança

É usada também em tratamentos como câncer, doenças cardíacas, artrite, diabetes e a demência neurológica.

Chá de Túlasi pode ser feito de folhas vivas, secas ou pó.

É uma forma poderosa de tratar doenças do corpo físico.

É PRECISO FERVER A ÁGUA E DESPEJÁ-LA SOBRE AS FOLHAS.

Cubra e deixe esta infusão pelo menos 20 minutos ( e até 2 horas) para liberar as propriedades curadoras da erva.

Pode se deixar a Túlasi várias horas num jarro de vidro no sol.

Beba e desfrute!

Segundo a tradição antiga , honrar a planta Túlasi desperta o amor puro e a devoção, traz paz e a felicidade á vida familiar, e cria harmonia na natureza.

Tulasi

Tulasi é compreendida como a encarnação em forma de planta da deusa Vrindadevi. Ela incorpora a beleza da flora e da fauna do último ser da floresta espiritual, Vrindavana. Ela aparece nesse mundo através desta planta, e suas folhas podem ser usadas para se ofertar a Krishna. "O deus supremo, a incorporação da verdade, a consiência e a bem aventurança é conhecida como Krishna ou Govinda. Ele não possui início, é a origem de tudo, e a causa de todas as causas."
Tulasi como planta: Nome botânico: Ocimun Sanctum (sanctum significando santo), os Vedas já citavam Tulasi. Existem também outros nomesde Tulasi:
Latim:    a.  Ocimum Tenuiflorum    b.   Ocimum Sanctum    
Inglês:     a.      Holy Basil      b.      Sacred Basil
Sânscrito:   a.    Tulasi   b.    Ajaka  c.     Brinda                       d.  Manjari    e.    Parnasa  f.       Patrapuspa   g.    Suvasa Tulasi   h.     Krshna Tulasi  i.   Sri Tulasi                                                                         
Indianos:  a.    Tulasi   b.    Baranda  c.     Kala Tulsi

“Tulasi e suas folhas são muito importantes no serviço devocional. É recomendado que os devotos reguem diariamente a árvore de Tulasi e coletem algumas folhas para adorar o Senhor.”(Srimad Bhagavatam 3.15.19)
 TULASI E GANESHA
(Passatempo)
 Certa vez, Tulasi, a inigualável filha de Dharmaraja, o senhor da retidão, percorria o mundo pensando em seu s]Senhor Krishna. Em seu passeio, chegou a um pacato ashram cheio de cascatas de belas flores e diversos tipos de ervas medicinais. Desfrutando da refrescante brisa, encaminhou-se até o ashram e encontrou-se com Ganesha. Ao vê-lo belamente trajado com sedas amarelas e em profunda meditação sobre o Senhor Krishna, pediu-lhe:
- Meu querido Ganesha, Você casarai comigo? Gostaria que fosse meu esposo.
- Minha querida e casta dama – replicou Ganesha interrompendo Suas orações – não desejo casar com ninguém. Na verdade, quero permanecer celibatário.
Tulasi sentiu-se frustrada e disse a Ganesha:
- Você feriu meus sentimentos e não segue o exemplo que as grandes personalidades estabeleceram no passado.
- Minha querida Tulasi, Eu sou um indivíduo. – disse Ganesha.
– Tenho direito às minhas próprias opiniões. Além disso, o que está tentando me dizer?
- Minha opinião é que se uma mulher casta solicita sua mão, jamais deve recusar – disse Tulasi irritada.
- Ta, ta, ta bom! – riu Ganesha. – Tulasi, estamos na Kali-yuga. Eu quero ser celibatário. Por favor vá e peça a seu pai Dharmajara que consiga um matrimônio apropriado para você.
- ao negar-se a me aceitar como esposa Você me humilhou profundamente – disse Tulasi e então amaldiçoou , nunca será um brahmachari. E se isso não é o suficiente, terá ainda duas esposas.
Ganesha respondeu à maldição com outra, sentenciando:
- Você se casará com um demônio e sofrerá muito. – Ganesha continuou. – Além disso, após abandonar seu corpo atual irá tronar-se uma planta sobre a Terra.
Ao escutar a terrível maldição de Ganesha e percebendo seu grave erro, Tulasi implorou Seu perdão recitando hinos védicos em sua honra.
- Ainda que pareça como uma planta, herdará a essência de todas as fragrâncias e todos os deuses sentir-se-ão setisfeitos e atraídos por esse aroma divino. – Ganesha continuou. – A sinceridade de seu serviço agradará profundamente o Senhor Hari. Por isso, Ele só receberá as oferendas que venham acompanhadas de suas folhas.
Depois de dirigir essas reconfortantes palavras a Tulasi, Ganesha abandonou o ashram e dirigiu-Se a Badrikashram para fazer penitência.”
[Srila Gurudeva falou sobre as glórias de Tulasi, no Avirbhava Tithi de Advaita Acarya, no qual Advaita Acarya chamou pelo aparecimento do Senhor Caitanya ao oferecer Tulasi e água.]
Prema Prayojana Prabhu: Temos ouvido como, vendo a terrível condição do mundo, o coração de Sri Advaita Acarya derreteu-se, sentindo compaixão por todas as jivas. Assim, Ele desejou chamar Sri Caitanya Mahaprabhu para este mundo. Enquanto ele estave pensando em como fazer isto, então, um verso do Srimad Gautamiya surgiu em Sua mente.
tulasi-dala-matrena
jalasya culukena va
vikrinite svam atmanam
bhaktebhya bhakta-vatsalah

Neste verso, o Supremo Senhor está dizendo, 'Se alguém me adora somente com folhas de Tulasi e água, então 'svam atmanam', ele Me obtém completamente. Svam atmanam - minha alma. Quem é o atma de Sri Krishna? Srimati Radhika.
Srila Narayana Maharaja: Por que ela é a atma de Sri Krishna?
Prema Prayojana Prabhu: Porque ela é a vida e a alma de Sri Krishna.
Srila Narayana Maharaja: Deveríamos satisfazer Krishna, Ele se obtém - como um bem.
Prema Prayojana Prabhu: Ele pode ser obtido por àquelas jivas que servem Vrnda Devi, e Ele pode lhes dar o serviço de Srimati Radhika. Nosso Srila Visvanatha Cakravati Thakura escreveu belamente, desta maneira:

tvad ajnaya pallava-puspa-bhrnga
mrgadibhir madhava-keli-kunjah
madhvadibhir bhanti vibhusyamana
vrnde! numaste caranaravindam

Deveríamos saber que todos os passatempos de Krishna em Vraja são arranjados por Yogamaya, Paurnamasi. Mas, ela não tem um departamento especial, e sua manifestação para este departamento é Vrnda. Vrnda Devi é uma sakhi muito querida, e ela está encarregada de um departamento muito especial do lila-nikunja-lila  de Krsna- os mais confidenciais passatempos amorosos e muito doces de Radha e Krsna nos bosques de Vrindavan.
Tvad ajnaya pallava-puspa bhrnga, "Através da ordem de Vrnda Devi, Vrindavana torna-se bela,como se fosse decorada com todas as qualidades da estação primaveril. Através de sua ordem as florescências das flores exalam suas fragrâncias em toda parte, o vento sopra, as abelhas ficam enlouquecidas e intoxicadas pelo doce mel das flores, e eles ficam zunindo aqui e ali. Os pavões dançam e as corças,também,  aqui e ali. Assim, pela graça de Vrnda Devi, através de sua ordem, Vrndavana torna-se tão bela e provida do mais maravilhoso local  de diversões para os lilas de Radha e Krishna."
Srila Narayana Maharaja: Krishna sempre sente-se grato com Vrnda. Ela serve de tal maneira, com todas as parafernálias, que Krsna sempre pensa que Ele não pode repará-la. Assim, se alguém dá Tulasi para Krishna, Ele torna-se tímido; e Ele pensa assim, "Eu lhe pertenço." Vocês podem  também, fazer uma experiência e testar se isto está certo ou errado. Vocês  deveriam  dar água para Tulasi e suas folhas aos pés de lótus de Krsna. E se vocês  oferecerem  algo, deveriam colocar folhas de Tulasi nesta preparação. Então,  Ele certamente aceitará e ficará feliz, e  tentará  satisfazer este devoto. Ele dirá, "O que você quer? O que você quer?" Assim, vocês  deveriam tentar adorar Tulasi. Diariamente deveriam oferecer água, uma lamparina, circungirá-la quatro vezes e cantar o Tulasi arati.
Prema Prayojana Prabhu: Krishna está sempre ávido por encontrar-se com Srimati Radhika. Srila Visvanatha Cakravati Thakura escreveu;

tvadiya-dutyena nikunja-yunor
atyutkayoh keli-vilasa-siddhih
tvat-saubhagam kena nirucyatam tad
vrnde! numaste caranaravindam
Quem pode inumerar as glórias e boa fortuna de Vrnda Devi? Por ela agir como uma mensageira é que Radha e Krishna são capazes de se encontrar. Krishna é assim grato com ela. Pessoas,  que desta maneira, adoram  Vrnda devi, Krsna irá pensar, "Como posso lhes reparar? Vocês se apossaram de Mim pelo serviço a Vrnda Devi." Assim, Advaita Acarya estabeleceu o siddhanta e seu poderoso e  rápido progresso em bhakti para o serviço de Sri Radha e Krishna.
Srila Narayana Maharaja: Se alguém quer ter amor e serviço pelo casal Radha-Krishna, eles deveriam adorar Tulasi, e muito facilmente eles podem ser beneficiados. Se alguém não tem prema mas ele está oferecendo Tulasi, Krishna aceitará seu oferecimento ou não? Se Tulasi é dada, significa que todas as coisas foram dadas - e Krsna deverá aceitar.
Prema Prayojana Prabhu: Se alguém está oferecendo Tulasi e não tem guru, Krishna aceitará?
Syamarani dasi: Krishna ficará satisfeito e enviará um guru.
Srila Narayana Maharaja: Se Tulasi é dada então Krishna aceitará - com guru ou sem guru. Vocês terão que reconciliar isto. Krishna tomará a sraddha da pessoa. Assim,isto será benéfico; isto não será em vão. Vocês terão que reconciliar isto. Se há um guru ou não, se vocês estão cantando o santo nome, haverá efeito ou não? Assim, haverá muitos resultados. Vocês poderão ir para Svarga; poderão ter uma elevada posição neste mundo; poderão ir a Vaikuntha - e muitas outras coisas. Se não há sadhu sanga e vocês estão cantando, qual será o resultado?
Prema Prayojana Prabhu: Deste cantar sadhu sanga virá.
Srila Narayana Maharaja: Sim. Isto será benéfico de muitas maneiras. Isto não será em vão. Se vocês estão oferecendo algo junto com Tulasi, mesmo sem existir um guru, se há sraddha, então por causa desta sraddha, Krsna irá gradulamente conduzir esta pessoa ao caminho. Vocês não poderão dizer que se alguém está oferecendo Tulasi, mas sem existir prema, de que Krsna não aceitará. Caso contrário, todos os shastras seriam inúteis. Se alguém  está cantando os santos nomes sem amor e afeição, haverá algum efeito ou não?
 Radhanatha Prabhu: Sim, ele terá sukriti.
Srila Narayana Maharaja: Não somente sukriti.
Radhanatha Prabhu: Com esta sukriti ele terá sadhu sanga.
Srila Narayana Maharaja: O nascimento de sukriti.

jayati jayati namananda-rupam murare-
viramita-nija-dharma-dhyana-pujadiyatnam
katham api sakrdattam muktidam praninam yat
paramamrtam ekam jivanam bhusanam me
(Sri Brhad-Bhagavatamrtam 1.9, Sanatan Gosvami)

"Todas as glórias, todas as glórias aos nomes de Krsna-Murari, a personificação da divina bem-aventurança! Ele cessa o ciclo de nascimentos e mortes e atenua todos os esforços dolorosos na prática da religião, meditação, caridade, adoração a deidade e austeridade. Ele concede liberação para aqueles que o profere mesmo um vez. Somente Krsna-nama permanece como o supremo néctar e único tesouro de minha vida."
Estes estão relacionados a Krsna: Tulasi, Yamuna, Ganges, Mahaprasadam, Nama e assim por diante. De certa forma eles tocam qualquer um - mesmo pessoas como Jagai e Madai. Assim, não há uma explicação para isto.
Gaura premanande

mais sobre Akshaya Tritiya

Os hindus acreditam na teoria da "mahurats" ou timings auspicioso em cada passo na vida - seja para começar um novo empreendimento ou fazer uma compra importante. Akshaya Tritiya é uma ocasião tão importante, que é considerado um dos dias mais auspiciosos do calendário hindu. Acredita-se, de qualquer atividade significativa começou neste dia seria proveitosa.

Uma vez por ano Akshaya Tritiya cai no terceiro dia da metade brilhante do Vaishakh meses (abril-maio), quando o Sol ea Lua estão em exaltação, que são simultaneamente o seu pico de luminosidade, o que só acontece uma vez a cada ano.
Santo do dia
Akshaya Tritiya, também conhecido como "Akha Teej", é tradicionalmente o aniversário do Senhor Parasurama, a sexta encarnação do deus Vishnu. Pessoas conduta Pujas especial neste dia, tomar banho em rios sagrados, fazer uma caridade, cevada, oferta de um fogo sagrado, e adorar o Senhor Ganesha, Lakshmi Devi e neste dia.

A palavra "Akshaya" significa imortal ou eterno - o que nunca diminui. Iniciações feitas ou valores comprados neste dia são considerados para trazer sucesso ou boa sorte. Compra de ouro é uma atividade popular em Akshaya Tritiya, como é o símbolo máximo da riqueza e prosperidade. Ouro e jóias de ouro comprado e usado neste dia significa nunca diminuindo a boa fortuna. Índios celebram casamentos, começam novos empreendimentos, e até mesmo plano de viagens de longo curso neste dia.

Mitos e Lendas
O dia também marca o início da "SatyaYug" ou a Idade de Ouro - o primeiro dos quatro Yugas. No "Puranas", as escrituras sagradas hindus, há uma história que diz que neste dia de Akshay Tritiya Vedavyas juntamente com Ganesha começou a escrever o grande épico Mahabharata. Ganga Devi ou Mãe Ganges também desceu à Terra neste dia.

Nascimentos
Acredita-se também que as pessoas nascidas durante esse tempo brilhar na vida. luminares Muitos nasceram durante este período: Basaveshwara nascido em 04 de maio, Ramanujacarya e Adi Shankaracharya em 6 de maio, Swami Chinmayananda em 8 de maio e Buda em 16 de maio.

Akshaya Tritiya ou Akshaya Trithiya é um dos dias mais auspiciosos para os hindus.

Akshaya Tritiya 2011 data é 06 de maio, sexta-feira. Akshaya Tritiya 2011 é ainda mais auspicioso,
uma vez que cai na sexta-feira. É comemorado no terceiro dia do primeiro semestre de Vaishakha Maas
(Vaishakha Shudda Tritiya ou Thadiya). De acordo com as tradições hindu e cultura, este festival
é considerado o dia mais significativo para a prática de atos de sagrado (Punya Karya).
Em sânscrito, o significado de Akshaya nunca está diminuindo. Como diz o significado,

no dia das pessoas Akshaya Tritiya nunca sentir a falta de felicidade ou bem-aventurança.

Qual é a importância e o significado da Tritiya Akshaya conforme a astrologia hindu?
De acordo com a astrologia hindu, especialmente em termos de muhurtas, Akshaya Tritiya

é considerado como um dos três muhurtas mais auspicioso (Sade-Teen Muhurat).
Um deles é o thithi primeiro dia do mês Chaitra (Ugadi Day), o segundo é o thithi décimo
dia do mês lunar ou Ashwin masam Aswayuja (Vijaya Dashami Day) eo terceiro é o terceiro
de thithi Vaishakha masa, o Akshaya Tirtiya dia. É também referido como Unboojha Muhurat.
Qual é a importância eo significado da Tritiya Akshaya conforme a mitologia hindu?
De acordo com os textos religiosos hindus e épicos, o Yuga Thretha foi iniciado no dia da Akshaya Tritiya.

No dia da Akshaya Tritiya, os hindus também observar o aniversário do Senhor Parasurama, o incarantion
sexto do Senhor Sri Maha Vishnu.

Como mencionado nos Vedas, no dia da Akshaya Trithiya, juntamente com o Senhor Ganesha Sábio Veda Vyasa iniciado escrever o grande épico Mahabharata. Puranas descrever o dia de Akshaya Trithiya é o aniversário do Senhor Parasurama (Senhor Parasurama Jayanthi). As escrituras hindus e outros textos sagrados explicou a grandeza do Senhor Parasuram.
No dia da Akshaya Tirtiya, Senhor Shri Balarama Jayanthi (aniversário do Senhor Sri Balaram) também é comemorado. Balarama era o irmão mais velho do Senhor Sri Krishna. Senhor Balaram é significativamente conhecido com Hal sua arma. Senhor Balarama também é conhecido como um dos Dasavatara, dez encarnações do Senhor Vishnu.


Quais são os rituais, costumes e tradições de Tritiya Akshay?
Akshay Tritiya festival é dedicado ao deus Vishnu. A adoração do deus Vishnu na erradica Akshay Tritiya e remove os pecados e torna-lo livre de todas as dores. Puranas descrito que os devotos que realizam Sri Maha Vishnu Puja em Akshay Tritiya pode alcançar a salvação.
Em algumas regiões, os devotos mantêm jejuns em Akshaya Tritiya. De acordo com a caridade Puranas, de alimentos, roupas e materiais comestíveis outros Akshaya Tritiya também é considerado o ritual mais importante do festival. Há um ritual para realizar Deusa Tulsi Puja em Akshay Tritiya em algumas regiões da Índia.

Parasuram Jayanti

Outro Festival em Maio Parasuram Jayanti
Parasuram Jayanti se acredita ser o dia de aniversário ou de aparecimento do Senhor Parashurama.
PARASHURAM é a quinta encarnação do deus Vishnu.
Este festival é observado em Akshay Tritiya ou terceiro dia de Shukla Paksha durante o mês Vaisakh em muitas partes da Índia.
 Em 2011, Parashurama Jayanthi data é 06 de maio.
Parsu machado é uma arma do tipo adotado pelo Senhor Parasuram. Senhor Parasuram foi a sexta encarnação do deus Vishnu. PARASHURAM nasceu em Satyu-Yuga e permaneceu vivo até Mahabharata tempo (Dwapara Yuga). Algumas escrituras dizem que o Senhor PARASHURAM permanecerá viva até que a Universo enfrenta o Mahapralaya (dilúvio).
Parasuram Jayanti é comemorado com maior fervor na área Konkan. região Konkan é chamado como Parashurama Bhoomi (a terra de Parshurama), porque Senhor Parshurama é considerado como o criador da costa Konkan. Em Kerala e em alguns lugares vizinhos comemorar Parsuram Jayanti em Kerala mês de Vrishchika masam (Margasirsh mês) que vem geralmente em dezembro
Parsu é uma arma como machado aprovada pelo Senhor Parasuram. Senhor Parasuram foi a sexta encarnação do deus Vishnu.
PARASHURAM nasceu em Satyu-Yuga e permaneceu vivo até Mahabharata tempo (Dwapara Yuga). Algumas escrituras dizem que o Senhor PARASHURAM permanecerá viva até que a Universo enfrenta o Mahapralaya (dilúvio).
Importância e Finalidade do Avatar Parasurama:
O objetivo principal do avatar do Senhor Parashurama, a sexta encarnação de Vishnu, para fazer a terra livre do fardo de reis kshatriya cruel ao derrotar a maldade deles como eles negligenciaram suas funções normais como reis.
Os reis kshatriya da terra se tornaram muito cruéis e realizavam muitos atos anti-religiosos na Satya-Yug. Deusa Prithvi (Mãe Terra) era insuportável de todos esses atos ridículos dos reis e foi para o Senhor Sri Maha Vishnu e adoraram ao Senhor, para aliviar a sua forma presente. Senhor Vishnu apareceu na frente da Mãe Terra e garantiu que ele vai encarnar como Parasurama, um. Parasuram tomou vingança de seus pais brutal assassinato de um rei kshatriya e aliviou a Mãe Terra, matando todos os reis kshatriya da terra.
Templos e locais sagrados do Senhor  PARASHURAM :
Senhor Parasurama era a encarnação do deus Vishnu, mas ele não é adorado tanto quanto o Senhor Sri Rama, e do Senhor Sri Krishna. A adoração do Senhor Parasurama é também muito estranho que nós não podemos compará-lo com os procedimentos adorar outros, como o Senhor é o Avatara Avesha como Senhor Narasimha Swamy.
Em Maharahstra, existe um templo para o Senhor Parsurama no Lote Parshurama no distrito de Ratnagiri. A área de Konkan é chamado como Parashurama Bhoomi (a terra de Parshurama), porque Senhor Parshurama é considerado como o criador da costa de Konkan. Existem vários templos para o Senhor Parsuram em Gujarat (Bharuch e Songadh), Maharashtra (Akkalkot, Khopali) e em Jammu e Caxemira (Akhnoor).
Rituais e costumes de Jayanti Parsurama:
Parsurama Jayanti é um festival muito importante para os Brâmanes, como o Senhor também foi um brâmane. Eles adoram com devoção máxima e nas regiões, as pessoas observam o jejum como o festival coincide com Akshay Tritiya.